TRABALHADORES DA TST EM LUTA

Com índices de adesão superiores a 90%, cerca de 500 trabalhadores da TST, concentrara-se hoje em frente à Camara Municipal de Almada, onde realizaram um plenário para análise da proposta que a administração da empresa fez aos sindicatos no dia 18 de Maio de 2019.

A proposta foi rejeitada pelos trabalhadores que reiteraram a sua proposta aprovada em 8 de fevereiro, entregue à empresa no passado dia 11 de fevereiro de 2019.

Nestes termos, aprovaram nova greve de 48 horas para os dias 11 e 12 de junho, com a realização de plenários em cada um dos dias.

De seguida os trabalhadores deslocaram-se em desfile até às instalações da presidência da Camara, onde uma delegação foi recebida pela presidente que demonstrou estar solidária com a luta dos trabalhadores e desenvolver esforços no sentido de que sejam encontradas as melhores soluções para o conflito em curso.  

20 de maio de 2019

powered by social2s