Imprimir

 

Realizou-se no dia 26/01/2021, uma reunião entre o C.A. e as ORT’s da Carris, no âmbito da discussão sobre as medidas de proteção a adoptar perante a epidemia em curso. Neste contexto o C.A. assumiu que:Realizou-se no dia 26/01/2021, uma reunião entre o C.A. e as ORT’s da Carris, no âmbito da discussão sobre as medidas de proteção a adoptar perante a epidemia em curso. Neste contexto o C.A. assumiu que:• Vai realizar testes aos trabalhadores da secretaria da Musgueira e da Central de Comando de Tráfego (MF), assim como a desinfeção das respectivas instalações;• Já informou a DGS do interesse em que os trabalhadores da Carris sejam integrados nos grupos prioritários de vacinação;• Vai analisar a possibilidade de aumento do número de serviços seguidos e também a hipótese de colocação de “sprinters”, nos locais de rendição, de forma a viabilizar a deslocação dos trabalhadores para as Estações;• Irá adquirir máscaras com maior nível de proteção;• Irão ser implementadas escalas de verão e em algumas situações serviços de férias escolares;Regista-se a resposta dada pela empresa. Contudo fica muito aquém de corresponder às inquietações com que os trabalhadores se confrontam no dia-a-dia.Para o STRUP é necessário que o C.A. vá mais longe. Investir na proteção da segurança e saúde no trabalho, é uma prioridade indispensável para assegurar o bem-estar dos trabalhadores e garantir a prestação do serviço público.

COMUNICADO COMPLETO

powered by social2s