AOS TRABALHADORES DA SCOTTURB

O,23€/dia a uma parte dos trabalhadores

A Gerência da empresa segue a sua estratégia de agravamento da exploração dos trabalhadores. Discrimina trabalhadores em função da categoria, da filiação sindical, e aumenta os períodos de trabalho seguido. A pandemia dos baixos salários combate-se com luta dos trabalhadores! Degradação das condições de vida e trabalho A avaliação que esta Gerência faz perante a crise pandémica, e a necessidade de valorizar os trabalhadores, verifica-se no modelo de investimentos que segue há cerca de década e meia. As frotas renovam-se, as viaturas “fabulosas” chegam ao Parque da Adroana, e mais um anúncio de que o investimento irá continuar, mas não para quem trabalha! E com isto, os trabalhadores e as suas famílias vivem de olhar para a fortuna da Família Barata. Os trabalhadores já conhecem esta linha de gestão, repressiva, autoritária e apostada na política do poucochinho! Não temos nada contra a fortuna, desde que quem trabalha seja justamente pago! Cada vez mais deslocam trabalhadores em função da desregulamentação do local de trabalho, em muitos destes locais não existe nenhuma infraestrutura para tomar uma refeição, ou mesmo para fazer as necessidades básicas. Uma empresa onde só os recibos que não são entregues aos trabalhadores estão isentos de erros!

COMUNICADO COMPLETO

powered by social2s