OS PRIMEIROS EFEITOS DA LUTA DOS TRABALHADORES

É com satisfação que as ORT´S da TST, informam os trabalhadores dos primeiros resultados da luta que estes têm vindo a realizar, de facto, pela primeira e nessa qualidade, a reunião de hoje, dia 30 de Abril de 2019, contou com a presença do Conselho  da Administração da empresa, tal como os sindicatos e trabalhadores haviam reclamado.

UMA ADMINISTRAÇÃO EXCESSIVAMENTE CONTIDA

O Conselho da Administração da empresa, apresentou-se nesta reunião de forma muito contida, deixando alguma expectativa de negociação e solução em matéria não diretamente pecuniária, mas quanto a esta, ainda que não fechando portas, foi dando indicações de grandes dificuldades financeiras por parte da empresa.

Também ficou claro para os sindicatos que a administração da TST, ainda não tinha percebido que a proposta apresentada no dia 11 de fevereiro, trata-se de uma proposta dos trabalhadores, resultado do descontentamento acumulado ao longo dos últimos anos e que é caracterizada por dois factores fundamentais, a melhoria dos salários e das condições gerais de trabalho.

SINDICATOS DEMONSTRAM QUE É POSSIVEL ENCONTRAR SOLUÇÕES

Mantendo o essencial da proposta geral aprovada pelos trabalhadores, que vincula os sindicatos na mediação com a administração da empresa, STRUP, SITRA e SNM, apresentaram formas de negociação que respondem aos anseios dos trabalhadores em todas as vertentes da sua proposta e facilita o exercício financeiro em termos de esforço, à administração da TST.

Desta forma, demonstramos inequivocamente que não temos posições radicais, privilegiamos o diálogo e a negociação, mas não abdicamos das legitimas aspirações dos trabalhadores.

ADMINISTRAÇÃO VAI PONDERAR

Perante a atitude positiva dos sindicatos a administração da TST só podia reagir com a necessidade de ponderar e responder em tempo útil.

Ficaremos a aguardar sendo certo que, nada será feito sem a ratificação dos trabalhadores e a luta manter-se-á, como decidida no último plenário.

Caso a administração venha em tempo útil responder positivamente às propostas dos trabalhadores, e só nessa situação, naturalmente que as ORT´S não deixarão de suspender o conflito em curso.

PALAVRAS LEVA-AS O VENTO

Queremos resultados concretos, não havendo…

A luta prossegue nos próximos dias 19 e 20 de Maio

Plenário geral dia 20 de Maio às 10.30 horas, junto à Camara Municipal de Almada

2 de maio de 2019   

powered by social2s